Mandalas: entenda seu uso terapêutico de acordo com as suas cores

As Mandalas há séculos vêm sendo usadas de forma terapêutica nas mais diversas culturas que as consideram verdadeiros portais de energia, nos quais se pode mergulhar de verdade, se estiver disposto a se conectar com eles.

Toda Mandala parte de um centro, de onde emanam elementos, símbolos, formas e cores diversas, que, estando perfeitamente posicionados, determinam que a Mandala tenha vibrações específicas.
Cada elemento serve como um harmonizador de nosso sistema físico, psíquico ou espiritual, que acalma, equilibra, organiza, toca nossa consciência!

Significado das cores das mandalas:

  • Branco: Pureza, simplicidade, limpeza, inocência, clareza, longevidade. Símbolo da rendição e da paz, transmite calma, frescura e pureza;
  • Vermelho: Paixão, amor, força, coragem, impulsividade, sexualidade. No emocional, promove estímulos, afasta sentimentos de depressão e desânimo. Pode contribuir para tirar o sono;
  • Laranja: Otimismo, saúde, entusiasmo, criatividade, sucesso, vitalidade, movimento. Restaura e regenera, inspira coragem, traz a capacidade de reconstruir-se após um processo de destruição;
  • Amarelo: Energia, inteligência, diversão, otimismo, inovação, alegria. Promove a inteligência, auxiliando em processos criativos e capacidades de raciocínio;
  • Dourado: Vibração elevada, vigor, inteligência superior e nobreza. Favorece a clareza nos pensamentos, discernimento, autoconfiança, auto-satisfação, auto-controle;
  • Verde: Esperança, equilíbrio, crescimento, rejuvenescimento, natureza, fraternidade, solidariedade. Acalmar e equilibra, energiza o corpo e a alma;
  • Azul: tranquilidade, liberdade, harmonia, contemplação, lealdade. Promover o equilíbrio, a paciência e a serenidade. Pode auxiliar a combater a insônia e o estresse;
  • Índigo (azul anil): Lealdade, refinamento, transição, espiritualidade, transcendência, profundidade.  Favorece a intuição,responsabilidade, disciplina, superação, ideais elevados, tolerância, elevação mental;
  • Roxo, Violeta (ou Lilás): Espiritualidade, misticismo, elevação espiritual. Indicadas para quem está com a espiritualidade abalada, pois essas cores são capazes de limpar e isolar os ambientes;
  • Rosa: Amor, romantismo, doçura, delicadeza, sensibilidade. Trabalha em prol da união e promove harmonia entre relacionamentos pessoais e profissionais;
  • Cinza ou prateado: Formalidade, tenacidade, elegância, seriedade, ordem. Dá equilíbrio e estabilidade, por ser o equilíbrio do preto e do branco. Não deve ser usado por quem sofre de memória fraca;
  • Marrom: estabilidade, constância, responsabilidade, maturidade.  Favorece a disciplina, a uniformidade e a observação das regras. Atrai dinheiro ganho através do trabalho e conecta a pessoa à Mãe Terra;
  • Preto: Silêncio, profundidade, mistério, sobriedade, auto-análise e introspecção. Esta cor é associada ao poder e ao mistério. Induz a sensação de elegância e sobriedade, introspecção, favorece a auto-análise e permite um aprofundamento do indivíduo no seu processo existencial. Jamais deve ser usado por pessoas que acabaram de perder um ente querido.

Antes de escolher ou fazer sua mandala, escolha as cores na proporção da importância que você coloca nas coisas que essas cores representam. Você deve colocá-la em algum lugar onde você possa vê-la com frequência, pois ela servirá como um lembrete de seus objetivos.

SAIBA MAIS

Conheça as mandalas, figuras místicas presentes em várias culturas – As mandalas são representações artísticas criadas em torno de um motivo cêntrico. Mandala é uma palavra do sânscrito que significa “círculo”, a forma perfeita. Essa forma artística está presente nas mais diversas culturas…

Dica de magia do dia: use a cromoterapia no combate a enfermidades – Confira poderosas dicas da cromoterapia para viver com mais saúde e auxiliar no tratamento e prevenção de algumas enfermidades

FAÇA UMA CONSULTA ESOTÉRICA

Glaucia Carvalho – Cartas de Tarô, Leitura de Mãos, Numerologia e Astrologia

Nosso site realiza consultas Esotéricas Online. Então, entre em contato hoje mesmo e dê início ao seu processo de auto-conhecimento! Faça uma consulta com a sensitiva Gláucia Carvalho, com 30 anos de experiência na leitura de oráculos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.